Sindrome do Túnel do Tarso

Definição

O síndrome do túnel do tarso caracteriza-se por uma dor no tarso que irradia para os dedos, provocando sensação de formigueiro, picaduras ou ardor de intensidade variável que dificultam a marcha. Regista-se igualmente uma diminuição do controlo da flexão plantar e dorsal dos dedos, com a consequente dificuldade de separação dos mesmos, geralmente resultante da compressão do nervo tibial posterior ou de alguma das suas ramificações terminais (nervo plantar interno, nervo plantar externo e nervo calcâneo interno).

Causas

Pós-traumatismo do tornozelo, doenças reumáticas que produzem um aumento do tecido sinovial, tumores e alterações anatómicas.

Tratamiento

1.- Conservador: O tratamento conservador pode consistir em anti-inflamatórios, na elevação temporária do salto do calçado ou em infiltrações locais, ou em vários tratamentos combinados.

2.- Cirúrgico: O tratamento cirúrgico por cirurgia percutânea consiste na eliminação da causa geradora da compressão dolorosa suprimindo os elementos responsáveis da mesma, realizado em ambulatório, com anestesia local e através de uma pequena incisão. O pós-operatório permite andar de imediato.

Nenhuma intervenção cirúrgica está isenta de riscos, sejam eles derivados da anestesia local, do tipo de intervenção praticada, ou os próprios de cada paciente.

Anterior Seguinte